sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

FARÓIS EM SELOS

No dia 12 de Junho de 1987 foi emitida pelos CTT - Correios de Portugal uma colecção de selos com um valor de emissão de 25 escudos.
As litografias em policromo são da autoria de Maluda. 
Terminaram a sua circulação em 31 de Dezembro de 1992.


Os Faróis escolhidos para esta colecção foram: 
Farol de Aveiro
= Farol da Ilha da Berlenga
= Farol do Cabo Mondego
= Farol do Cabo de São Vicente




Farol de Aveiro


Farol da Ilha da Berlenga


Farol do Cabo Mondego


Farol do Cabo de São Vicente


Em 19 de Junho de 2008, surgiu uma outra edição. Desta feita uma colecção de 10 selos, no valor de emissão de 0,30€.
Design: Helder/Atelier Acácio Santos
Papel: 110gr/m²
Picotagem: 13x ; Cruz de Cristo
Formato: 40x30,6 mm
Impressão: offset
Impressor: Cartor


Para esta colecção foram escolhidos os Faróis de:
= Farol de Esposende
= Farol do Cabo Espichel
= Farol de Leça
= Farol do Penedo da Saudade
= Farol de Santa Marta
= Farol de Montedor
= Farol do Cabo da Roca
= Farol do Cabo sardão
= Farol do Cabo de São Vicente
= Farol do Bugio








A par desta colecção foram também adicionados dois selos cujo valor é de 0,61€:
Farol do Arnel - Açores
Farol Ponta do Pargo - Madeira

Design: Helder/Atelier Acácio Santos
Papel: 110gr/m²
Picotagem: 13x ; Cruz de Cristo
Formato: 40x30,6 mm
Impressão: offset
Impressor: Cartor


Farol do Arnel - Açores

Farol da Ponta do Pargo - Madeira











quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

FAROL DA GUIA - Guia, Macau

Localização - Fortaleza de Nossa Senhora da Guia, Guia, Macau (China)
Gestão - Macau SAR Marine Administration
Função - costeiro
Posição - latitude 21º 11`N
             longitude 113º 55`L
Ano de estabelecimento - 1865
Estrutura - torre cilíndrica branca, com cúpula e lanterna vermelha
Altura da torre - 14 m
Altitude - 108 m
Alcance luminoso - 16 milhas
Luz - branca
Característica - FI (2) W 10s
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - não
Nº nacional - F-3416


Possui aviso de Tufão.


Farol da Guia - Guia, Macau
Fotografia: postal

Farol da Guia - Guia, Macau
Fotografia: Raymond Skip Empey

Farol da Guia - Guia, Macau
Fotografia: Raymond Skip Empey


Farol da Guia - Guia, Macau
Fotografia: Raymond Skip Empey




Agradecimento: Raymond Shik Empey





quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

NEVOEIRO E SINAIS DE NEVOEIRO

NEVOEIRO -  Vapor de água no estado de condensação em massas mais ou menos espessas, formada junto ao solo, e que dificulta a visibilidade.


SINAIS DE NEVOEIRO - São sinais produzidos por determinados aparelhos montados em Faróis, como Trompas, Sereias, Diafones, Sinos, etc, e que funcionam em tempo de nevoeiro, para avisar a navegação de que se encontra na proximidade da terra.


SEREIA - aparelho em que o som é produzido pela acção de ar comprimido através de entalhes ou orifícios de um disco ou um cilindro rotativo. Produz sons estridentes e prolongados. Também é usado nos navios, para assinalarem a sua presença.

DIAFONE - dispositivo que produz um som característico por meio de um obturador em movimento alternativo accionado por ar comprimido. As emissões podem consistir em dois tons, de nível sonoro diferente, sendo o segundo tom de nível mais baixo. Se há apenas um tom, a emissão termina numa queda de som súbita.

TROMPA - instrumento instalado em alguns faróis para emitir sinais de nevoeiro. Este dispositivo consiste num tubo com uma secção transversal de dimensões variáveis e que produz um som característico e elevado, embora de fraca potência. Existem dois tipos de Trompa: 
a) a Trompa de Diafragma produz o som por meio de uma membrana que é feita vibrar por ar comprimido, vapor ou electricidade;
b) um Nautofone é uma trompa na qual a vibração da membrana é feita electricamente.

SINO - dispositivo que produz um som característico pela vibração de uma peça metálica oca em forma de cálice, da qual se extraem sons por percussão.

SINAL DE NEVOEIRO EM MORSE - sinal de nevoeiro que transmite um ou mais caracteres do Código Morse.

GONGO - sinal sonoro constituído por uma placa vibratória, normalmente de metal e circular, no qual o som é produzido através da excitação por percussão da referida placa.


Fonte: "Ajudas à Navegação - Lista de Luzes"
          Vol. I - Portugal - 8ª edição - 2008
          Instituto Hidrográfico - Marinha Portuguesa
          Lisboa


ESTAÇÃO METEOROLÓGICA

 METEOROLOGIA é a parte da física que trata dos fenómenos atmosféricos.
Os progressos da meteorologia só começaram a partir da utilização do Barómetro e sobretudo da centralização das observações em diversos pontos do globo. Todos os países estabelecem serviços meteorológicos e transmitem diariamente as observações que permitem fazer a previsão do tempo.

Nos Faróis essas observações são feitas duas vezes por dia e depois transmitidas ao Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica.

Além do já referido Barómetro, são utilizados outros instrumentos, como o Anemómetro e o Termógrafo, entre outros.
Tal como diz o nome:
......grafo = regista em papel
......metro = mede


PLUVIÓMETRO - instrumento que mede a chuva em milímetros por hora.

ANEMÓMETRO - instrumento que serve para medir a velocidade do vento; diz-nos a velocidade do vento.

ANEMÓGRAFO - instrumento que regista a velocidade do vento, em papel.

TERMÓGRAFO - instrumento que mede e regista a temperatura, em papel. Normalmente está junto do Termómetro.

Termógrafo - Farol do Cabo da Roca, Cabo da Roca, Sintra, Lisboa, Portugal
Fotografia: Teresa Reis©


TERMÓMETRO - instrumento que mede a temperatura instantânea; diz-nos a temperatura.

CATAVENTO - indica a direcção do vento; o azimute por onde vemos o vento. Encontra-se junto do Anemómetro.

NEFOSCÓPIO - instrumento destinado a medir a direcção em que correm as nuvens e a velocidade com que o fazem.

BARÓMETRO - instrumento que mede a pressão atmosférica; diz-nos a pressão atmosférica.

HELIOGRAFO - instrumento que mede a intensidade da luz solar, registando esses valores ao longo do tempo, em papel.

HIGROMETRO - instrumento que mede a humidade relativa do ar instantânea; diz-nos a humidade relativa do ar.

HIGROGRAFO - instrumento que mede a humidade relativa do ar, registando-a em papel.


Estes registos são registados pelos Faroleiros em "Cadernetas de Observações", fornecidas pelo Instituto de Meteorologia e Geofísica.

Caderneta de Observações - Farol do Cabo da Roca, Cabo da Roca, Sintra, Lisboa, Portugal
Fotografia: Teresa Reis©






sábado, 4 de dezembro de 2010

FAROLIM DA PRAIA DA RIBEIRA - Praia da Ribeira (ou dos Pescadores), Cascais, Lisboa, Portugal

Localização - Praia da Ribeira, ou Praia dos Pescadores, Cascais, Lisboa, Portugal
Gestão - Direcção de Faróis - Marinha Portuguesa
Função - portuário
Posição - latitude 38º 41,88`N
             longitude 9º 25,12`W
Ano de estabelecimento - ...
Estrutura - coluna com faixas brancas e vermelhas
Altura da estrutura - 4,5 m
Altitude - 7 m
Alcance luminoso - 6 milhas
Luz - vermelha
Característica - Oc R 4s    (Lt. 3s; Ec.1s)
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - não
Nº nacional - 198
Nº internacional - D-2121



Farol 1: Faróis de Brinquedo

Farol 1: Faróis de Brinquedo: "via maineminiatures.com via dollhouseminiatures.com via otherlandtoys.co.uk via childrensfurniture.guidestobuy.com"

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

FAROL DE VIAREGGIO, NUOVA DIGA - Viareggio, Toscana, Itália

Localização - Viareggio, Toscana, Itália
Gestão - Servizio de Fari
Função - portuário
Posição - latitude 43º 51,4`N
             longitude 10º 14,2`E
Ano de estabelecimento - ...
Estrutura - torre cilíndrica branca e lanterna e cúpula branca
Altura da torre - 32 m
Altitude - 30 m
Alcance luminoso - 22 milhas
Luz - branca
Característica - FI W 5s
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - não
Nº nacional - 1340


Farol de Viareggio, Nuova Diga - Viareggio, Toscana, Itália
Fotografia: Trabas


Este Farol está localizado a cerca de 600 metros do antigo Farol.





terça-feira, 23 de novembro de 2010

FAROL DO OUTÃO - Outão, Setúbal, Portugal

Localização - Forte do Outão, Outão, Setúbal, Portugal
Gestão - Direcção de Faróis - Marinha Portuguesa
Função - costeiro
Posição - latitude 38º 29,39`N
             longitude 8º 55,97`W
Ano de estabelecimento - 1775
Estrutura - torre prismática hexagonal branca e lanterna vermelha, no cimo do forte
Altura da torre - 11 metros
Altitude - 34 metros
Alcance luminoso - 12 milhas
Luz - vermelha
Característica - Oc R 6s
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - não
Nº nacional - 380
Nº internacional - D-2150


Farol do Outão - Outão, Setúbal, Portugal
Fotografia: Teresa Reis©


Farol de Outão - Outão, Setúbal, Portugal
Fotografia: Teresa Reis©





segunda-feira, 15 de novembro de 2010

BÓIA Nº 5 - Lisboa, Portugal

Localização - entrada do Rio Tejo, Lisboa, Portugal
Gestão - Direcção de Faróis - Marinha Portuguesa
Função - portuário
Posição - latitude 38º 40,51`N
             longitude 9º 17,57`W
Ano de estabelecimento - ...
Estrutura - bóia verde com alvo ^
Altura da estrutura - ...
Altitude - ...
Alcance luminoso - 3 milhas    (Lt. 0,5s; Ec. 3,5s)
Luz - verde
Característica - FI G 4s
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - não
Nº nacional - 210.07


Bóia nº 5 - Lisboa, Portugal
Fotografia: Teresa Reis


Possui reflector solar.


Bóia nº 5 - Lisboa, Portugal
Fotografia: Teresa Reis©













quinta-feira, 11 de novembro de 2010

FAROL DE MANORA POINT - Sindh, Karachi, Paquistão

Localização - Manora Point, Sindh, Karachi, Paquistão
Gestão - Karachi Port Trust
Função - costeiro
Posição - latitude ...
             longitude ...
Ano de estabelecimento - 1889
Estrutura - torre circular, do lado do mar está pintada com faixas horizontais vermelhas e brancas, do lado de terra está sem pintura; lanterna preta
Altura da torre - 38 metros
Altitude - 48 metros
Alcance luminoso - ...
Luz - branca
Característica - F W 7,5s
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - ...
Nº nacional - ...


Farol de Manora Point - Sindh, Karachi, Paquistão
Fotografia: postal antigo (a torre ainda não se encontrava pintada com as faixas vermelhas e brancas)


O primeiro Farol erigido no local data de 1951.











FACHO DE ÁRVORE - Árvore, Vila do Conde, Porto, Portugal

Desactivado
Localização - foz de Rio Ave, Árvore, Vila do Conde, Porto, Portugal
Gestão - Direcção de Faróis - Marinha Portuguesa
Função - portuário
Posição - latitude 41º 20`N
             longitude 8º 43`W
Ano de estabelecimento - séc. XVI
Estrutura - construção em cantaria de granito, em forma de pirâmide truncada, mais larga nas bases e estreitando para o topo, revestida de azulejo branco
Altura da estrutura - 6,5 metros
Altitude - 43 metros
Alcance luminoso - 5 milhas
Luz - verde
Característica - F G ...s
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - não
Nº nacional - 23 (1955)


Facho de Árvore - Árvore, Vila do Conde, Porto, Portugal
Fotografia: Wikipédia


Possivelmente, seria colocada neste local qualquer fonte luminosa, como o fogo. Daí o nome Facho.


Esta era uma Marca de Enfiamento. Encontra-se desactivada.



quarta-feira, 10 de novembro de 2010

DESCRIPÇÃO DA ENSEADA, ENTRE OS CABOS DA ROCA E ESPICHEL - 1897

"CABO DA ROCA -  é o cabo mais saliente de toda a costa occidental de Portugal, e demora a SW 43/4s. a 35 milhas do Cabo Carvoeiro. É formado pelo extremo oeste da serra de Cintra. Alto e alcantilhado, elevado sobre o nível do mar 170 metros; constitue uma das marcas mais em uso dos pilotos e pescadores. (est I)
Inferiormente é circundado por differentes rochedos que se prolongam para o mar n`uma extensão de 1/2 milha, destacando-se de entre elles a ilhota denominada Pedra da Arca ou Baroeira, rochedo alagado sobre o qual existem 2 metros de agua na baixa-mar de aguas vivas, onde rebenta sempre que haja vaga e que demora por NW 1/2 N do Cabo a cerca de quatro amarras.


Cabo da Roca - Sintra, Lisboa, Portugal
Fotografia: Teresa Reis©


Cabo da Roca - Sintra, Lisboa, Portugal
Fotografia: Teresa Reis©

PHAROL DA ROCA - sobre o cabo está construído o edificio onde se acha installado o pharol electrico de primeira ordem, mostrando uma luz branca scintillante com clarões tambem brancos de 2/3 de segundo de duração, ou dezasete clarões no intervallo de um minuto. A sua elevação sobre o nivel do mar é de 162 metros e 19,5 metros sobre o terreno, sendo vísivel em boas circunstancias a uma distancia comprehendida entre 28 a 30 milhas n`um sector de 235º.
A torre do pharol tem a forma quadrangullar truncada e assenta sobre o edificio, onde se acham installadas a machinas motoras; é pintado de branco bem como a lanterna, cuja cupula esta pintada de cinzento. (¹)

Signal sonoro - ligada á face oeste do edificio, podendo girar n`um angulo de proximamente 270º sobre uma plataforma circular de alvenaria munida de trilhos, está, montada a trombeta do signal sonoro de 4,5 metros de comprimento, que em occasiões de nevoeiro produz fortes sons de 15 segundos de duração em cada intervallo de 1 minuto, os quaes poderam ser ouvidos em boas condições de tempo a 6 milhas de distancia.

       Latitude 38º 46`49`` N
       Longitude 9º 29`46``W. GW


(¹) Quando se der avaria, funccionará então um candieiro mechanico de tres torcidas alimentado a petroleo, cuja luz tem o alcance de 19 milhas approximadamente."

Farol do Cabo da Roca - Cabo da Roca, Sintra, Lisboa, Portugal
Fotografia: Teresa Reis©




Fonte: "Descripção da Costa de Portugal entre o Cabo da Roca e do Espichel e Instruções para a Entrada e Saída do Porto de Lisboa"
          Manuel Maria Nunes de Carvalho
          Imprensa Nacional, Lisboa
          1897













domingo, 7 de novembro de 2010

FAROLIM DE SÃO SEBASTIÃO - Ilha de S. Tomé, África

Localização - Ilha de São Tomé, na Fortaleza.
Gestão - S. Tomé e Príncipe Ajudas à Navegação Costeira
Função - costeiro
Posição - latitude 0º 20,8`N
             longitude 6º 44,7`E
Ano de estabelecimento - 1928
Estrutura - torre cilíndrica branca e lanterna vermelha
Altura da torre - 6 metros
Altitude - 14 metros
Alcance luminoso - W 12 milhas / R 9 milhas
Luz - branca e vermelha
Característica - FI(4) WR 12s
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - não
Nº nacional - 4237


Farolim de São Sebastião - Fortaleza de São Sebastião, Ilha de São Tomé
Fotografia: postal antigo

O primeiro Farol aqui erigido data de 1866.



sábado, 6 de novembro de 2010

FAROL DE CAPE HINCHINBROOK - Prince William Sound, Alaska, E.U.A.

Localização - entrada de Prince William Sound, Alaska, E.U.A.
Gestão - U. S. Coast Guard
Função - costeiro
Posição - latitude 60º 21,59`N
             longitude 146º 38,47`W
Ano de estabelecimento - 1934
Estrutura - torre quadrangular branca e lanterna preta, edifícios anexos
Altura da torre - 20 metros
Altitude - 71,5 metros
Alcance luminoso - ...
Luz - branca
Característica - FI W 15s
Automatizado - 1974
Sinal sonoro de nevoeiro - sim
Nº nacional - 1125


Farol de Cape Hinchinbrook - Prince William Sound, Alaska, E.U.A
Fotografia: U. S. Coast Guard


O primeiro Farol foi erigido em 1910.
Era uma torre octogonal no cimo de um edifício também octogonal que servia de habitação ao faroleiro.


Farol de Cape Hinchinbrook - Prince William Sound, Alaska, E.U.A
Fotografia: National Archives (E.U.A.)


Devido ao terramoto de 1927, o solo tornou-se muito instável e foi necessário a construção de um outro, que entrou em funcionamento em 1934.








sexta-feira, 5 de novembro de 2010

BIBLIOTECA - "American Lighthouses - A Definitive Guide"




Título: "American Lighthouses - A definitive Guide"
Autor: Bruce Roberts
          Ray Jones

Neste deslumbrante livro, são-nos dado a conhecer cerca de 320 Faróis Americanos. 






FAROL DE DETROIT RIVER - Rio Detroit, Lake Erie, Michigan, E.U.A.

Também chamado de Bar Point Shoal; e por "The Rock" (O Rochedo), pela Guarda Costeira, devido ao seu isolamento.


Localização - foz do Rio Detroit, Lake Erie, Michigan, E.U.A.
Gestão - U. S. Coast Guard
Função - portuário
Posição - latitude ...
             longitude ...
Ano de estabelecimento - 1885
Estrutura - torre cónica branca com lanterna preta e edifício anexo, sobre pontão pré-fabricado
Altura da torre - 15 metros
Altitude - 17 metros
Alcance luminoso - 10 milhas
Luz - branca
Característica - FI(2) W 6s
Automatizado - 1979
Sinal sonoro de nevoeiro - trompa    (som 1s; silêncio 30s)
Nº nacional - ...


Farol de Detroit River - Rio Detroit, Lake Erie, Michigan, E.U.A.
Fotografia: U.S. Coast Guard

Este Farol foi erigido para substituir o Barco-farol canadense que lá se encontrava desde 1875. 
O pontão foi transportado para lá, preenchido com concreto e rodeado por um cais de granito. O cais é em forma de navio; a sua extremidade pontiaguda é voltada para a foz do rio para quebrar o gelo durante o Inverno.







quinta-feira, 4 de novembro de 2010

FAROL DE KIEL - Kiel, Alemanhã

Localização - Kiel, Alemanhã
Gestão - WSA Lübeck
Função - costeiro
Posição - latitude 54º 30,0`N
             longitude 10º 16,5`E
Ano de estabelecimento - 1967
Estrutura - torre cilíndrica branca com base e topo em vermelho, sobre pontão em forma de "Y"
Altura da torre - 33 metros
Altitude - 29 metros
Alcance luminoso - W17 milhas/ R14 milhas/ G13 milhas
Característica - Iso WRG 6s
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - trompa Morse ("KI")   30s
Nº nacional - 1215


Farol de Kiel - Kiel, Alemanhã
Fotografia: Leuchttürm-Atlas







quarta-feira, 3 de novembro de 2010

FAROL DE CAPE PINE - Avalon, Terra Nova, Canadá

Localização - Península de Avalon, Terra Nova, Canadá
Gestão - Canadian Coast Guard
Função - costeiro
Posição - latitude ...
             longitude ...
Ano estabelecimento - 1851
Estrutura - torre cilíndrica em ferro fundido com faixas horizontais brancas e vermelhas, lanterna branca e edifícios anexos
Altura da torre - 15 metros
Altitude - 96 metros
Alcance luminoso - 16 milhas
Luz - branca
Característica - F... W 5s
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - trompa   (som 4s; silêncio 60s)
Nº nacional - ...


Farol de Cape Pine - Avalon, Terra Nova, Canadá
Fotografia: anónimo (Lighthouse Directory)


Este Farol, situa-se no ponto mais meridional da Terra Nova, Canadá.









domingo, 31 de outubro de 2010

FAROL DE PLUM ISLAND - Plum Island, New York, E.U.A.

Desactivado - 1978
Localização - Gardiner`s Bay, Plum Island, New York, EUA
Gestão - Dpt. of Homeland Security; East End Lighthouses
Função - costeiro
Posição - latitude ...
             longitude ...
Ano de estabelecimento - 1870
Estrutura - torre cilíndrica de madeira branca, edifício em granito castanho anexo e lanterna preta
Altura da torre - 17 metros 
Altitude - ...
Alcance luminoso - ...
Luz - branca
Característica - ...
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - não. Teve anteriormente um sino
Nº nacional - -


Farol de Plum Island - Gardiner`s Bay, Plum Island, New York, E.U.A.
Fotografia: Bob Allen


Farol de Plum Island - Gardiner`s Bay, Plum Island, New York, E.U.A.
Fotografia: Bob Allen


A primeira luz foi erigida em 1827.

Segundo relatos de várias pessoas, este Farol encontra-se assombrado por Coronel Thomas Gardiners (1724-1786), e o cujos restos mortais, se encontram sepultados na ilha. 


Agradecimento: Bob Allen



sexta-feira, 29 de outubro de 2010

FAROL DE AMPHITRITE POINT - Vancouver, British Columbia, Canadá

Localização - Vancouver Island, British Columbia, Canadá
Gestão - Canadian Coast Guard Pacific Region
Função - costeiro
Posição - latitude 48º 55`29``N
             longitude 125º 33`13``W
Ano de estabelecimento - 1915
Estrutura - torre branca no cimo do edifício do sinal sonoro e lanterna vermelha


Farol de Amphitrite Point - Vancouver, British Columbia, Canadá
Fotografia: Canadian Coast Guard


Altura da torre - 6 metros
Altitude - 15 metros
Alcance luminoso - 16 milhas
Luz - branca
Característica - F W 12s
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - ...
Nº nacional - ...


A primeira luz foi erigida em 1906 e estava entregue á estação de salvamento marítima local.
Esta pequena torre em madeira, foi destruída por um maremoto em Janeiro de 1914.
A habitação para os faroleiros, só foi construída em 1929.










FAROL ANOVA - Ilha de Sakhalin, Sivuchya, Rússia

Localização - Ilha de Sakhalin, no rochedo Sivuchya, Rússia
Gestão - abandonado
Função - costeiro
Posição - latitude ...
             longitude ...
Ano de estabelecimento - 1939
Estrutura - torre cilíndrica com duas faixas brancas e duas pretas, lanterna e cúpula preta
Altura da torre - 31 metros
Altitude - 40 metros
Alcance luminoso - ...
Luz - branca
Característica - F W 21s
Automatizado - ...
Sinal sonoro de nevoeiro - não
Nº nacional - não


Este é um Farol nuclear. 
Está completamente abandonado.
Apesar do perigo de radioactividade e dos avisos espalhados pelo Farol, muitos têm sido os vândalos que assolaram o local.


Farol de Anova - Ilha de Sakhalin, Rússia
Fotografia: internet








BÓIA BARCARENA - Paço de Arcos, Oeiras, Lisboa

Localização - ao largo de Paço de Arcos, Oeiras, Lisboa, Portugal
Gestão - Direcção de Faróis - Marinha Portuguesa
Função - portuário
Posição - latitude 38º 41,68`N
             longitude 9º 16,53`W
Ano de estabelecimento - ...
Estrutura - bóia amarela com torre quadrangular; alvo ×
Altura da estrutura - 2 metros
Altitude - -
Alcance luminoso - 3 milhas
Luz - amarelo
Características - FI Y 10s    (Lt 1s; Ec 9s)
Automatizado - -
Sinal sonoro de nevoeiro - não
Nº nacional - 210.5


Bóia Barcarena - Paço de Arcos, Oeiras, Portugal
Fotografia: Teresa Reis©


Bóia Barcarena - Paço de Arcos, Oeiras, Portugal
Fotografia: Teresa Reis©